Programa Cooperjovem Cersul

Programa Cooperjovem Cersul

Professoras da Escola EEB de Timbé do Sul, parceira da Cersul no Programa Cooperjovem, estiveram nos dias 08 e 09 de maio, em capacitação de jogos cooperativos promovida pelo Sesccop/ SC. Esta oficina teve como objetivo, desenvolver estratégias de parceria e colaboração para que as pessoas permaneçam no jogo e, com isso, todos ganhem .


Segundo o instrutor da oficina, Fábio Otuzi Brotto, os jogos cooperativos são um conjunto de atividades desenhadas com o objetivo de incentivar a cooperação em vez da competição. “Eles estimulam o jogar ‘uns com os outros’ e não o ‘uns contra os outros’ e proporcionam a experiência de vencer desafios coletivos, que só podem ser superados juntos”.


A oficina foi totalmente prática: os professores exercitam os jogos e por meio deles conhecem as teorias que darão subsídio para a realização das atividades nas escolas. Uma das metas do CooperJovem, segundo Brotto, é promover uma cultura cooperativista e de paz nas escolas e na comunidades em que estão inseridas. “É muito importante este trabalho porque é lá que vai se disseminar uma nova cultura de cooperação”, conclui.

 

Curso para novos professores

 

Três professoras da EEB de Timbé do Sul participante do Programa Cooperjovem iniciaram no mês de abril a capacitação oficial, primeira etapa Educação para Cooperação para Novos Professores. O curso, promovido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo de Santa Catarina (SESCOOP/SC), aconteceu em Torres.

O objetivo foi apresentar aos novos professores, de escolas que já participavam do Cooperjovem em 2017, pontos importantes para o desenvolvimento do Programa, como a qualidade da educação, a responsabilidade das pessoas, o paradigma da cooperação e a reavaliação dos seus Projetos Educacionais Cooperativos (PECs), com vistas a melhoria contínua do Programa.