CERSUL realiza primeira assembleia virtual

CERSUL realiza primeira assembleia virtual

Com segurança e transparência, a CERSUL (Cooperativa de Distribuição de Energia) realizou a assembleia ordinária de 2021 de forma virtual. Apresentou entre os itens da pauta a prestação de contas, balanço patrimonial, demonstrativo de sobras e investimentos, o que resultou em um dos melhores resultados dos últimos anos. Através de um sistema seguro, os associados votaram e aprovaram os itens da pauta por unanimidade.


O presidente da CERSUL, Jonnei Zanette, o Nei, representando o Conselho de Administração, lembra que esta foi a primeira vez na história da cooperativa que precisou ser feita uma assembleia diferente, em virtude dos decretos vigentes em prol da saúde pública diante da pandemia do coronavírus, o que gerou a preocupação por parte do Conselho de manter a integridade do associado. “Buscamos um meio seguro de realização e conseguimos um número expressivo de participação. Nós do Conselho estamos satisfeitos em transmitir ao associado de forma transparente a prestação de contas, ao qual foi aprovada por unanimidade, tanto da CERSUL Distribuição quanto Geração”, observa o presidente. Nei agradece ainda ao empenho de todo a equipe de funcionários da cooperativa pelo trabalho em prol dos resultados.


Nei acrescenta que é uma alegria para todo o Conselho apresentar a assembleia com números tão positivos, sendo obtido o melhor resultado dos últimos anos. Outro fator de satisfação são as ações realizadas, que incluem o maior investimento da história da CERSUL, que é a linha de transmissão 69 kV. “Conseguimos chegar a uma eficiência de resultados e ainda assim efetuar muitas ações, sempre mantendo uma das menores taxas de energia elétrica do Brasil. O associado pode se orgulhar de fazer parte desta história. Vamos seguir com dedicação para garantir a geração de energia elétrica de qualidade e em quantidade, com um preço justo, em prol do desenvolvimento da região e da qualidade de vida dos associados”, pontua o presidente.


Entre os resultados que enfatizam a eficiência da gestão estão as sobras de 2020, que mesmo com os investimentos realizados, resultou em R$ 7.910.367,11 positivos.