Funcionários recebem mudas frutíferas

Funcionários recebem mudas frutíferas

Lichia, acerola, araçá, jabuticaba, limão taiti e limão siciliano foram as espécies escolhidas para serem distribuídas entre os funcionários da CERSUL (Cooperativa de Distribuição de Energia). A ação faz parte do projeto Preservar, desenvolvido ao longo do mês de junho, com o objetivo de estimular a conscientização ambiental.

Conforme o presidente da CERSUL, Jonnei Zanette, é fundamental estimular o plantio de árvores, e por isto, as mudas foram adquiridas de acordo com uma análise do interesse da equipe de profissionais. “Se a cada ano plantamos uma árvore a mais, ajudamos a deixar o mundo melhor. O Conselho de Administração é de opinião que se deve trabalhar a preservação ao meio ambiente”.

A engenheira ambiental da cooperativa, Andréia Arcaro Tonetto, lembra que entra as espécies, foram elencadas árvores frutíferas nativas, como araçá, acerola e jabuticaba. “Todos os anos os colaboradores da CERSUL recebem mudas nativas”. Esta ação traz reflexos positivos. Edevar dos Reis estava preocupado com o Rio Turvo, que passa próximo de sua residência, na comunidade de Linha Contessi em Turvo. As margens sofriam erosão e através das mudas entregues pela cooperativa ele pode iniciar uma ação. “Eu tinha vontade de fazer algo, e com a ação das mudas comecei a plantar ali para iniciar a recuperação. Quando sobra mudas, peço para aumentar o trabalho neste local. É importante esta ação da CERSUL, pois muitas vezes a gente quer fazer algo, mas não consegue comprar as mudas, e com a distribuição incentiva que a gente faça algo pelo meio ambiente, passe a refletir”, constata o funcionário.

A psicóloga do setor de Recursos Humanos da CERSUL, Camila Cirimbelli, observa que cada profissional pode escolher uma muda entre as disponíveis. Os funcionários de todas as unidades recebem as mudas, assim como os terceirizados.